top of page

CONTEÚDOS SOBRE BLINDAGENS

Atenção: não confunda película antivandalismo com vidro blindado!


As películas antivandalismo tomaram conta de algumas oficinas em cidades grandes como São Paulo, recentemente, à medida em que vêm se tornando populares entre os proprietários de automóveis que desejam contar com essa proteção extra em seus veículos.


Aplicá-la aos vidros do carro é uma tentativa de conseguir alguma proteção contra furtos e assaltos - quando estoura-se os vidros para ter acesso ao interior do veículo - seja num semáforo fechado ou mesmo, ao estacionar na rua.


Entretanto, a película antivandalismo oferece uma proteção bem simplória aos vidros, se comparada às janelas e para-brisas blindados, pois não possuem nenhuma eficácia contra disparos de armas de fogo.


Essas películas são compostas por lâminas de poliéster, que aumentam a resistência do vidro em caso de impactos com objetos, ou mesmo, em caso de uma batida, evitando que o vidro se estilhace. Existem 3 tipos: PS4, PS8 e PS12, e segundo profissionais do ramo, quanto maior o número, mais espessa ela é, oferecendo mais resistência. Ou seja, elas não impedem totalmente o sucesso da ação criminosa, apenas dificultam o processo.


Segundo dados divulgados no portal da Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo, de todos os boletins de ocorrência registrados como roubo ou furto no estado, em todo o ano de 2022, cerca de 3% correspondem a roubo a interior de veículo.


Como dica de segurança, fica o conselho: Com película ou sem película antivandalismo, tente não reagir à uma tentativa de assalto. E mesmo que o carro seja blindado, a orientação mais aconselhada é buscar uma saída para evadir-se imediatamente do local.


Comments


bottom of page